quinta-feira, 30 de junho de 2011

1.000 acessos em 27 dias

Postado por Maurice da Nobel





Sr(a)s.
Colaboradore(a)s

O Blog da CAT está o maior SUCESSO
já obteve 1.000 acessos em apenas 27 dias.

Podem acessar TAMBÉM de suas casas ou fins de semana,
através do site da CAT
www.cidadeazultrans.com.br

enviem também material para divulgação
através do email:
blog@cidadeazultrans.com.br

quarta-feira, 29 de junho de 2011

Cinco Dicas para Melhorar a Produtividade no Trabalho

Postagem da srta. Amarilze, Psicologia (CAT Matriz)
Priorização de tarefas, organização e planejamento são medidas essenciais para um bom rendimento profissional.

Você está com uma pilha enorme de trabalho e a cada dia chegam mais tarefas. Ainda assim seu chefe não alivia. Para alcançar os objetivos da empresa desafia você com metas e mais metas. Como manter a produtividade diante de tantos afazeres? Confira as dicas.

1. Faça um planejamento semanal

Segundo Marco Fabossi, coach e especialista em gestão do tempo e produtividade, para manter a produtividade no trabalho e enfrentar a diversidade de tarefas do dia a dia, é necessário dedicar tempo ao planejamento semanal. “Não é preciso mais que 15 minutos no final de semana, ou na sexta-feira. Só não deixe para planejar a semana na segunda, isso não funciona.”
No planejamento devem ser inclusas todas as atividades da semana, sejam pessoais ou profissionais, diz Fabossi. A recomendação é planejar aproximadamente 70% do tempo, deixando os outros 30% para contingências e urgências.


2. Priorize tarefas

Evite realizar várias atividades ao mesmo tempo. Na impossibilidade estabeleça quais são as tarefas mais urgentes ou importantes. “Compartilhar as atividades com o chefe é fundamental na definição de prioridades”, ensina Christian Barbosa, especialista em produtividade e gestão do tempo. Barbosa ressalta que é importante também saber dizer não.


3. Utilize a tecnologia para organizar suas atividades

Encontre um modelo de organização e planejamento que mais combine com você. Pode ser o Outlook, Excel, Google Apps, SmartPhone ou mesmo uma agenda de papel, um caderno. “Primeiro resolva as urgências, em seguida coloque as tarefas mais simples e rápidas, depois agrupe atividades similares, e então distribua todas as outras”, orienta o especialista Marco Fabossi.


4. Fuja dos ladrões do tempo

São diversos os ladrões do tempo. O especialista Christian Barbosa enumera: e-mail, redes sociais, reuniões corporativas, falta de organização. Para se livrar dos piores inimigos da produtividade a recomendação é estabelecer horários para checar e-mail e navegar nas redes sociais.
As reuniões corporativas, diz Barbosa, precisam ter um objetivo e serem ágeis. Já o remédio para a falta de organização é manter cada coisa em seu devido lugar caso você não queira perder meia hora do seu precioso e escasso tempo procurando algo.
O coach executivo e consultor Carlos Cruz põe na lista dos ladrões do tempo as distrações internas. “São exemplos de distrações internas o medo, a ansiedade, a insegurança. Outra distração é pensar no próximo fim de semana ao mesmo tempo em que realiza atividades.”


5. Foque no trabalho. Resolva os problemas

O especialista Christian Barbosa afirma ser impossível separar vida pessoal e profissional. Logo, sugere planejar determinadas tarefas pessoais na hora do expediente. “Pagar uma conta, marcar consulta médica, ligar para o filho para saber se está tudo bem... tudo isso pode ser feito no trabalho. Desde que não haja abuso a medida pode minimizar possíveis impactos negativos na produtividade.”
Para Carlos Cruz, problemas pessoais devem ser vistos como desafios. “Foque no trabalho, direcione o problema para o aprendizado”, recomenda o consultor. “Problemas pessoais fatalmente irão afetar o nosso nível de concentração e desempenho profissional. Portanto, resolva-os o mais rápido possível”, orienta o especialista Marco Fabossi.


Por Rômulo Martins

terça-feira, 28 de junho de 2011

A IMENSA ALEGRIA DE SERVIR

Postagem Solicitada pelo Rodrigo da Nobel





Toda natureza é um desejo de serviço.
Serve a nuvem, serve o vento, serve o sulco.
Onde houver uma árvore para plantar,planta-a tu.
Onde houver um erro para corrigir,corrige-o tu.
Onde houver uma tarefa que todos recusem,aceita-a tu.

Sê quem tira:
a pedra do caminho,
o ódio dos corações
e as dificuldades dos problemas.

Há a alegria de ser sincero e de ser justo.
Há, porém, mais do que isso,
a imensa alegria de servir.

Como seria triste o mundo
se tudo já estivesse feito,
se não houvesse uma roseira para plantar,
uma iniciativa para lutar!

Não te seduzam as obras fáceis.
É belo fazer tudo que os outros se recusam a executar.
Não cometas, porém, o erro
de pensar que só tem merecimento executar as grandes obras.
Há pequenos préstimos que são bons serviços:
enfeitar uma mesa.
Arrumar uns livros.
Pentear uma criança.

Aquele é quem critica,
este é quem destrói;
sê tu quem serve.

Servir não é próprio dos seres inferiores:
Deus, que nos dá fruto e luz,serve.
Poderia chamar-se: O Servidor.
E tem os Seus olhos fixos nas nossas mãos
e pergunta-nos todos os dias:
Serviste hoje?

* * *

Gabriela Mistral, poetisa chilena.

sexta-feira, 24 de junho de 2011

DEDETIZAÇÃO na NOBEL

Postado pelo Maurice da Nobel

Hoje foi dia de Dedetização e Limpeza de Caixa d'agua na Nobel

PARA REFLETIR


Postagem por Rodrigo da Nobel


Diferença de COLEGA para AMIGO(a)...

Colega: separa sua briga;
Amigo: já chega na voadora;
Colega: chama seus pais de senhor e senhora;
Amigo: chama de pai e mãe.
Colega: nunca viu você chorar;
Amigo: sempre teve os melhores ombros para você chorar;
Colega: nunca pede nada para beber e comer;
Amigo: abre o armário e se sente em casa;
Colega: pede pra você escrever o seu número de telefone;
Amigo: pergunta pelo telefone dele, pq não se lembra onde colocou
Colega: pede alguma coisa emprestada e devolve em uns dias;
Amigo: tem um guarda-roupa cheio de coisas suas;
Colega: sabe algumas coisas sobre você;
Amigo: poderia escrever uma biografia sobre você;
Colega: não ficaria com você se as outras pessoas não tivessem com você;
Amigo: sempre ficaria com você;
Colega: lê e igonora
Amigo: manda d volta

segunda-feira, 20 de junho de 2011

O Bullying Sempre Existiu

Postagem da srta. Amarilze, Psicologia (CAT Matriz)

O bullying sempre existiu. Anos atrás as vítimas eram chamadas de CDFs, nerds ou puxa-sacos. Eram jovens que se sentavam nas primeiras fileiras de carteiras na sala de aula, prestavam atenção no professor e na matéria lecionada, inquiriam e respondiam perguntas, faziam o dever de casa e, consequentemente, tiravam boas notas. O contraponto era a “turma do fundão”, formada por rebeldes e descolados.

Os atos de bullying eram bem conhecidos. Desde o “corredor polonês”, onde vários estudantes se enfileiravam para escorraçar o alvo com alguns petelecos, tapas e breves pontapés, a chamada “geral”, até o famigerado “te pego lá fora”. A opressão era mais física do que psicológica, pois o constrangido tinha em sua defesa o fato de ser, normalmente, melhor aluno que seus agressores.

Claro que também tínhamos o assédio ao gordo, ao feio e ao varapau. Mas a questão é que estas ações eram contidas em si mesmas. As escolas mantinham “bedéis” para colocar ordem na casa e coibir atos de violência, sem falar que ir “parar na diretoria” era temido pela maioria dos alunos.

Contudo, se o bullying ocorresse, ao chegar em casa a vítima ainda iria ter com seus pais. Alguns poderiam dizer: “Não reaja, pois não é de sua natureza”, no melhor estilo “ofereça a outra face”. Já outros argumentariam: “Se apanhar de novo lá fora e não reagir, vai levar outra surra quando chegar em casa”.

Mas isso tudo são histórias de 30 ou mais anos atrás, tempos em que a educação era partilhada pela igreja, a família e a escola. A igreja católica se viu alvejada, no Brasil, pelo avanço dos evangélicos e outras religiões, de modo que passou a se preocupar mais com seu negócio do que com seus clientes. A família abandonou o modelo patriarcal, migrando para o nuclear. Agora a mulher trabalha fora, acumulando a chamada dupla-jornada, ou seja, cuidar de seu emprego e dos afazeres domésticos, sobrando menos tempo para dar atenção aos filhos. Esta nova rotina profissional levou à desagregação familiar. Assim, a educação foi entregue à tutela quase exclusiva da escola que, por sua vez, também se tornou um grande negócio.

Neste quadro, coloque como tempero os conflitos de valores, a influência da mídia e os novos paradigmas sociais. Agora temos alunos que não respeitam professores, colegas e até os pais, pois têm grande dificuldade de lidar com o conceito de hierarquia. O apelo ao consumo transformou pátios em passarelas, por onde desfilam roupas e celulares. Os péssimos hábitos alimentares promoveram o crescimento da obesidade contrastando com a ditadura da beleza. E a cereja do bolo: a comunicação pelas redes sociais que levam as vítimas à exposição instantânea e em larga escala.

A solução para amenizar o bullying não passa por mais regras, coerção e punição. Passa pelo resgate dos valores e a conscientização sobre o que é certo e o que é errado, tarefa esta da igreja, da família, da escola e também da sociedade.


Autor: Tom Coelho é educador, conferencista e escritor com artigos publicados em 15 países. É autor de “Sete Vidas – Lições para construir seu equilíbrio pessoal e profissional”, pela Editora Saraiva, e coautor de outros quatro livros. Contatos através do e-mail tomcoelho@tomcoelho.com.br. Visite: www.tomcoelho.com.br. e www.setevidas.com.br.

sexta-feira, 17 de junho de 2011

ValVal, Os Dançarinos

Postagem do setor de Festividades da CAT

Dançarinos da mais "Alta Gabaritagem"!
Confraternização realizada na CAT Matriz, no dia 10/06/2011.

A Crise, segundo Albert Einstein

Postagem da srta. Priscila (CAT Matriz)

quarta-feira, 15 de junho de 2011

DEPRIMIDO por FACUNDO CABRAL

ESTE LINDO TEXTO É UMA DICA DA AMARILZE PSCÓLOGA, É LINDO MESMO... PARABÉNS AMARILZE POR ESTA DICA


Não estás deprimido, estás distraído.
Distraído em relação à vida que te preenche, distraído em relação à vida que te rodeia, golfinhos, bosques, mares, montanhas, rios.
Não caias como caiu teu irmão que sofre por um único ser humano, quando existem cinco mil e seiscentos milhões no mundo. Além de tudo, não é assim tão ruim viver só. Eu fico bem, decidindo a cada instante o que desejo fazer, e graças à solidão conheço-me. O que é fundamental para viver.
Não faças o que fez teu pai, que se sente velho porque tem setenta anos, e esquece que Moisés comandou o Êxodo aos oitenta e Rubinstein interpretava Chopin com uma maestria sem igual aos noventa, para citar apenas dois casos conhecidos.

Não estás deprimido, estás distraído.
Por isso acreditas que perdeste algo, o que é impossível, porque tudo te foi dado. Não fizeste um só cabelo de tua cabeça, portanto não és dono de coisa alguma. Além disso, a vida não te tira coisas: te liberta de coisas, alivia-te para que possas voar mais alto, para que alcances a plenitude.
Do útero ao túmulo, vivemos numa escola; por isso, o que chamas de problemas são apenas lições. Não perdeste coisa alguma: aquele que morre apenas está adiantado em relação a nós, porque todos vamos na mesma direção.
E não esqueças, que o melhor dele, o amor, continua vivo em teu coração.
Não existe a morte, apenas a mudança.
E do outro lado te esperam pessoas maravilhosas: Gandhi, o Arcanjo Miguel, Whitman, São Agostinho, Madre Teresa, teu avô e minha mãe, que acreditava que a pobreza está mais próxima do amor, porque o dinheiro nos distrai com coisas demais, e nos machuca, porque nos torna desconfiados.
Faz apenas o que amas e serás feliz. Aquele que faz o que ama, está benditamente condenado ao sucesso, que chegará quando for a hora, porque o que deve ser será, e chegará de forma natural.
Não faças coisa alguma por obrigação ou por compromisso, apenas por amor.
Então terás plenitude, e nessa plenitude tudo é possível sem esforço, porque és movido pela força natural da vida. A mesma que me ergueu quando caiu o avião que levava minha mulher e minha filha;
a mesma que me manteve vivo quando os médicos me deram três ou quatro meses de vida.
Deus te tornou responsável por um ser humano, que és tu. Deves trazer felicidade e liberdade para ti mesmo.
E só então poderás compartilhar a vida verdadeira com todos os outros.
Lembra-te: "Amarás ao próximo como a ti mesmo".
Reconcilia-te contigo, coloca-te frente ao espelho e pensa que esta criatura que vês, é uma obra de Deus, e decide neste exato momento ser feliz, porque a felicidade é uma aquisição.
Aliás, a felicidade não é um direito, mas um dever; porque se não fores feliz, estarás levando amargura para todos os teus vizinhos.
Um único homem que não possuiu talento ou valor para viver, mandou matar seis milhões de judeus, seus irmãos.
Existem tantas coisas para experimentar, e a nossa passagem pela terra é tão curta, que sofrer é uma perda de tempo.
Podemos experimentar a neve no inverno e as flores na primavera, o chocolate de Perusa, a baguette francesa, os tacos mexicanos, o vinho chileno, os mares e os rios, o futebol dos brasileiros, As Mil e Uma Noites, a Divina Comédia, Quixote, Pedro Páramo, os boleros de Manzanero e as poesias de Whitman; a música de Mahler, Mozart, Chopin, Beethoven; as pinturas de Caravaggio, Rembrandt, Velázquez, Picasso e Tamayo, entre tantas maravilhas.
E se estás com câncer ou AIDS, podem acontecer duas coisas, e ambas são positivas:
se a doença ganha, te liberta do corpo que é cheio de processos (tenho fome, tenho frio, tenho sono, tenho vontades, tenho razão, tenho dúvidas)
Se tu vences, serás mais humilde, mais agradecido... portanto, facilmente feliz, livre do enorme peso da culpa, da responsabilidade e da vaidade,
disposto a viver cada instante profundamente, como deve ser.

Não estás deprimido, estás desocupado.
Ajuda a criança que precisa de ti, essa criança que será sócia do teu filho. Ajuda os velhos e os jovens te ajudarão quando for tua vez.
Aliás, o serviço prestado é uma forma segura de ser feliz, como é gostar da natureza e cuidar dela para aqueles que virão.
Dá sem medida, e receberás sem medida.
Ama até que te tornes o ser amado; mais ainda converte-te no próprio Amor.
E não te deixes enganar por alguns homicidas e suicidas.
O bem é maioria, mas não se percebe porque é silencioso.
Uma bomba faz mais barulho que uma caricia, porém, para cada bomba que destrói há milhões de carícias que alimentam a vida.

Facundo Cabral

RODRIGO da NOBEL

Abaixo Fotos do RHAUL Filho do Rodrigo da Nobel, nasceu recentemente e JÁ ESTÁ com 3 meses. DETALHE, pelo visto o Rodrigo vai ser um Papai BEM CORUJA.



Abaixo o RHAUL quando nasceu

Lembra Alguém ?

Postagem do setor de Festividades da CAT
Confraternização realizada na CAT Matriz, no dia 10/06/2011.

Novo Equipamento CAT - Caminhão Munck

Postagem da sr. Filipe Freccia (Diretoria - CAT Matriz)

Solidariedade nas Estradas

Postagem do sr. Sandro (Operacional - CAT Guarulhos/SP)
Parabenizamos o sr. Marcelo (motorista CAT Maringá), pelo auxílio prestado na ocorrência abaixo. Apesar da ocasião ser ruim (acidente), a atitude do sr. Valdir, em ajudar o próximo, foi muito importante ! Parabéns pelo exemplo !

ARMAZENAGEM com LOCALIZAÇÃO

Abaixo vídeo produzido na Nobel, para que possamos ter uma idéia de como funciona, um Sistema de Armazenagem com Mapa de Localização.

terça-feira, 14 de junho de 2011

Salve uma Vida - Doe Sangue

Postagem do setor da Qualidade (CAT Matriz)

Olá pessoal ! Ao longo dos anos, a CAT Matriz promove campanhas para doação de sangue.

Como neste época do ano, os colaboradores podem ir ao Sindicato de sua região (para solicitar a isenção da contribuição sindical), a CAT disponibiliza um veículo, para que um grupo de colaboradores entreguem o pedido de isenção no Sindicato, e também, dirijam-se ao Banco de Sangue de sua cidade, para fazer um ato que pode salvar vidas.

Conversem com suas lideranças em suas filiais e promovam esta ação pela vida. Uma ação singela, mas importantíssima.

Orientações para os Doadores de Sangue

segunda-feira, 13 de junho de 2011

POEMA - SINCERIDADE

Esta é uma dica de um POEMA do Rodrigo da Nobel



=Nunca sabemos quando somos sinceros.
-Talvez nunca o sejamos.
-E mesmo que sejamos sinceros hoje.
-Amanhã podemos sê-lo por coisa contrária. !!!!

Fernando Pessoa

Treinamento Porteiros Matriz

Postagem de evento coordenado pela srta. Amarilze, Psicologia (CAT Matriz). Treinamento realizado no dia 13/06/2011, com a equipe de Porteiros.

sexta-feira, 10 de junho de 2011

Gestão de Pessoas RIC TV

Postagem da srta. Amarilze, Psicologia (CAT Matriz)
Informações do mundo corporativo:

O que a área RH tem em comum com o Marketing?
O que a área de RH pode contribuir para os negócios da empresa?


O RH tem que ser pró-ativo, tem que entender o mercado em que atua. Até 2006 a RIC TV era Departamento Pessoal. Com a mudança cultural organizacional, o RH da RIC TV  atuou fortemente neste investimento.

Foi trabalhado na revisão do Plano Estratégico. Houve muitas mudanças e as mudanças geram resistências, deve-se sair da zona de conforto. Houve muitas demissões. Foi dado muitos avisos, para quem quisesse entender as mudanças culturais, os que não queriam, foram excluídos. Quem não acreditou nas mudanças caiu fora! Foi um grande desafio, implantaram um comitê de trabalho.
O RH conversou com cada um dos colaboradores: “O que não funciona no teu setor....
O foco é a busca pela excelência na qualidade! Macro objetivo/ Objetivos específicos (Reduzir falhas constantes; Qualificar equipes; melhorar a plástica dos produtos; Entender e aprimorar os processos internos).
Metodologia de Trabalho:
- Levantamento dos problemas;
- Definições de ações (treinamentos, processos, investimentos).

Foi trabalhado comportamento, gestão e processos. Problemas técnicos e operacionais.  “Os líderes que não tem tesão pelo que fazem, serão excluídos!”  Esta foi a frase que o palestrante usou para chamar a atenção das pessoas resistentes.

Identificaram alguns fatores:
• Atuação de lideranças que deixam a desejar;
• Falta de iniciativa, pensamento sistêmico;
• Falta de competência para ocupar cargos de liderança;
• Falta de indicadores para mostrar o caminho.

A prioridade foi atacar os pontos críticos: Assim, surgiu o “Programa de Formação de Líderes”. Firmaram parcerias com universidades, buscando aprimoramento, equipamentos de ponta, cronograma de treinamentos.

O Brasil é o 3º país com maior escassez de talentos. Mas temos que pensar que a empresa não é instituição de caridade, é uma troca, você dá e recebe. A empresa que tem bons profissionais, retém estes profissionais.  Mas para isso precisa de pessoas comprometidas, sem resistências!
Descobriram que o ponto mais crítico é a COMUNICAÇÃO!!! Hoje todos sabem de tudo o que acontece na empresa através do “Portal RH”.

Desta forma, vem as respostas para as duas questões iniciais. A RIC TV deixou aberto para realizar visitas com agendamento.

Por Marcos Vinícius Gowda – Gerente RH RIC TV. Evento realizado na PUC-PR, dia 25/05/2011.

HISTÓRIA DO ERNANI

Esta é uma dica de Vídeo pelo Acir da Matriz - Realmente uma Linda e Emocionante História...